Suporte a mensagens offline no Pidgin

Logo do Pidgin

A que tudo indica, o pombo correio mais querido do mundo do Software Livre deve suportar o envio e o recebimento de mensagens offline para a rede MSN dentro de pouco tempo. É isso que se pode concluir através do roadmap do projeto, a partir do item Activate MSNPv14, versão do protocolo MSN que implementa este recursos. Alguns mensageiros instantâneos como o Emesene já utilizam tal versão do protocolo e o tradicional Pidgin é retrógrado nesse sentido. Talvez se deva pela implementação ser considerada de baixa prioridade (minor) como consta nesta roadmap.

A conclusão pode ser tirada pelo número de tickets da implementação do MSNPv14 na plataforma Trac do Pidgin. Dos 4 tickets (= pendências) desta novidade, apenas um resta ser resolvido. Este ticket corresponde a incapacidade de se remover contatos após a fusão da nova versão do protocolo. Mas, não quero aqui lançar falsas esperanças: há quase 1 ano acompanho esse processo e pouquíssimas colaborações são feitas. Quando abordei developers do projeto tentando persuadí-los a dar mais atenção para a questão, as respostas mais delicadas que recebi foram ‘use Jabber‘. Bem, se apenas dizer isso bastasse, eu não teria mais contatos no MSN e não estaria preocupado com isso. Mas somente com amplas manifestações na lista de e-mail do projeto é que podem saltar aos olhos dos desenvolvedores a importância e a urgência de tal recurso. Portanto, convido todos a fazerem tais manifestações.

Essa situação depõe contra o Linux e outros sistemas operacionais livres. Já vi muitas pessoas debocharem do Linux dizendo algo como ‘ué, mas nem com mensagem offline o Linux é compatível ?‘. É um raro quesito em que Windows fanboys têm razão. Eu dependo do Pigdin por conta dos múltiplos protocolos, por isso não migro para o Emesene. Mas tenho que ter a irritante rotina de logar conta por conta que tenho do MSN no Emesene para ler as mensagens offline. Pelo menos, acho isso menos pior do que o uso de scraps do Orkut para recadinhos assíncronos. Como costumo dizer, scrapbook não é porta de geladeira.

You may also like...

13 Responses

  1. José Vitor disse:

    Tá aí um assunto que costuma render longas conversas com aqueles que tento evangelizar. Sempre esbarro no problema do MSN. Antes era a falta de emotion ou sua adição no desenrrolar de uma conversa, agora as tais mensagens off-line ou gerenciamento de contatos (mover/excluir). Simplesmente não dá pra relegar os chatos ao ostracismo, preciso conviver diariamente com os malas que não desejo ter na minha lista e contatos, sem contar que o pidgin tem umas “falhas de sincronização de usuários” que te faz “adicionar, excluir, renomear” todos novamente (e nunca resolve o problema) quando vc loga em diferentes máquinas com este mesmo programa, .

    Não sei se é possível abrir Emesene logado em múltiplas contas, (ou várias cópias deste) mas é sem sombra de dúvida a melhor emais espartana solução pro mundo Gnu.

    aMsn, aquele tijolo que ousam chamar de mensageiro, não está na lista das opções, se ele fosse a única saída eu aceitaria de bom grado a “resposta delicada” dos desenvolvedore sdo pidgin.

  2. Marcus VBP disse:

    Já não era sem tempo. Alguma previsão para implementação de Webcam?

    Eu deixei de usar o pidgin, e estou usando-o apenas para acessar o gtalk. Para conversar pelo MSN, uso o Emesene, que ainda não tem nem tranferência de arquivos direito, mas cumpre bem o seu papel, ou mesmo o AMSN, que como o colega acima falou, é pesadíssimo, mas suporta recursos que outros clientes não têm.

  3. charles disse:

    cara acho que pior que esse bug, é aquele que o nick do seu usuario fica igual ao de outra pessoa. é muito constrangedor isso, pois uso o pidgin no trabalho também.
    quando soltaram o ultimo update, instalei, e depois de um tempo percebi que ocorria esse bug (as versões anteriores ainda não tinham esse bug) .
    então eu voltei a usar a versão anterior e vi que já tem ticket no bugtrack sobre isso, acho que deve demorar ainda pra resolverem esse item :(.

  4. Danilo Cesar disse:

    Sei lá essa libpurple…

    A nova libmsn tá saindo aí..

  5. edigar disse:

    bom eu ñ consigo enviar e receber mensagem quando a pessoa estar ne offline

  6. laura disse:

    Não sou muito entendida de computador e muito menos de sistemas operacionais.
    Achei interessante o texto mas tenho certeza que para totalmente compreende-lo precisaria de alguns bons dias de estudo.
    No entanto, parabéns pelo blog e por outros posts mais interessantes para leigos!hehehe

  7. Se a ideia é popularizar os softwares livres é hora de criar recursos para que o internauta padrão se sinta confortável usando-os. Os programas de mensagens instantâneas são muito populares. É difícil encontrar alguém que não os usa, até os meus avós são usuários dessa ferramenta. Agora, mais difícil ainda é achar alguém que não tente fugir dos inconvenientes da sua lista de amigos, usando o modo offline. Então está mais do que na hora de agilizarmos essa atualização divulgada aí no texto e fazer com que os softwares livres cumpram sua função, atingir a massa de internautas.

  8. Depois que comentei o texto, foi que percebi que os demais comentários eram bem antigos. Como não uso, essa ferramenta, não sei dizer se essa atualização já foi feita. Pesquisei na internet e também não consegui achar essa informação. Mas volto a enfatizar que “se a ideia é popularizar os softwares livres é hora de criar recursos para que o internauta padrão se sinta confortável usando-os. Os programas de mensagens instantâneas são muito populares. É difícil encontrar alguém que não os usa, até os meus avós são usuários dessa ferramenta. Agora, mais difícil ainda é achar alguém que não tente fugir dos inconvenientes da sua lista de amigos, usando o modo offline. Então está mais do que na hora de agilizarmos essa atualização divulgada aí no texto e fazer com que os softwares livres cumpram sua função, atingir a massa de internautas”.

  9. Cida disse:

    A proposta que me chamou a atenção e eu achei muito interessante, no blog, e também me levou a refletir. Foi a questão de padronizar, sem unificar, o modo de operação do Softwares Livres.
    Eu acredito que essa atitude poderá facilitar a vida dos usuários e até conseguir mais adeptos para esses programas livres.
    Pois, uma das dificuldades dos que resistem a esses novos programas é a dificuldade em manuseá-los.

  10. Concordo que esse tipo de problema depõe contra o Linux. Afinal, de que adianta grande modificações e atualizações no sistema, se algumas coisas mais simples e básicas continuam a emperrar a vida dos usuários? Acho muito válida também a manifestação coletiva.

  11. Rafael disse:

    Cheguei a usar o Pidgin algum tempo atrás, porém acabei trocando de cliente quando o Fedora o substituiu pelo Empathy. Talvez agora eu volte a experimentá-lo, já que nunca tive nada a reclamar do mesmo.

  12. raphael disse:

    mensagens offline são muito uteis quando não encontramos a pessoa online, tais programas como os citados, dão alguns bugs, normal quando se tem programas feitos a pouco tempo, espero que esses problemas já tenham sido atualizados

  13. Jogar Poker disse:

    Oi visito mais uma vez neste blogue amigo, para retribuir a visita feita…….
    Chamo-me Diogo,gosto muito de fóruns , dou muito do meu tempo a improvisar o meu web site assim como a fazer legendas para imenos fóruns,se calhar assistiram algum filme com legendas feitas por min!
    E por agora é tudo, pois eu faço turnos e tenho de ir descansar um bocado.
    Fiquem bem………….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>